Portfólio3
7 de maio de 2016     Meus Trabalhos

Guilherme me procurou dizendo que queria mudar de Blogger pra WordPress e desejava muito ter um layout clean, diferente do que estamos acostumados a ver em blogs brasileiros (que geralmente tem bastante cor e elementos no layout). Como sou apaixonada pelo estilo minimalista, foi um amor criar um projeto pro Cabide de Menino.

Continue lendo »

04
21 de março de 2016     Dicas, Tutoriais

O fundo do seu blog parece que não é importante no layout do seu blog, mas acredite: é sim.
E vejo muitos blogs se descuidando um pouco sobre algumas coisas relacionadas a isso. Então vou fazer uma lista das coisas mais importantes sobre o plano de fundo do seu blog.

O background ideal

No que se diz respeito a estampa, o BG ideal é aquele que tem a ver com a proposta do seu layout, claro. Mas tem algumas coisas que você pode analisar antes de decidir seu plano de fundo.

  • Evite backgrounds com muitas cores e informações. Ele nunca deve chamar mais atenção do que a área dos posts. Seu leitor deve dizer “Nossa, que layout lindo!! Tem algo aqui que tá me cativando, mas não sei o que é!” e não “Nossa, que plano de fundo liiiiiiiiiindo!!!!”. Acredite: backgrounds com muita informação tira a atenção de tudo que tá escrito no post.

    Mas se ainda assim você quiser usar um background mais chamativo, te indico colocar ele fixo no fundo. Dessa forma o plano de fundo não rola junto com o layout e não atrapalha a leitura 😉
    Basta colocar o código a seguir no seu CSS:

    body {background-attachment: fixed;}

  • Foto como background é legal, mas ela deve ser suave. Pra ficar bem sutil, a imagem que você quer colocar no plano de fundo deve se fundir com a cor desejada para background. Eu fiz um blog que fala sobre música e decidi colocar uma imagem como plano de fundo. Como o site deveria ser escuro, peguei uma imagem tão escura quanto o site e coloquei um pouco de opacidade na imagem. Com isso a foto se “misturou” com a cor de fundo e ficou mais sutil.
  • Continue lendo »

    photo-1439466654360-5e8bbd819be5
    17 de março de 2016     Pessoal

    Eu costumava ver vídeos toda noite. Via vídeos de comédia, como Porta dos Fundos e Parafernalha, e entrevistas de comediantes como Paulo Gustavo e Leandro Hassum. Eu já assisti tantos a esses vídeos que eu já sabia a piada, mas ria toda vez que assistia. Eu também via vídeos inspiracionais sobre empreendedorismo. Ia dormir sonhando com minha futura empresa e planejando meu futuro. Costumava ler livros à tarde e desenhar quando dava. Eu ficava em êxtase quando eu via uma horinha vaga na agenda e constatava que daria tempo de assistir um filme depois do almoço ou começar uma maratona de alguma série no dia livre. Era legal entrar em sites sobre qualquer coisa que eu gostava e ficar navegando pelos blogs sem nem lembrar que eu tinha trabalho pra fazer. Ou então eu ficava pensando nos dias que eu poderia superar o restinho de timidez que ainda resta em mim e sair por aí pra fotografar as coisas mais lindas que eu pudesse registrar.

    Mas aí entrou um novo personagem na minha vida. Entrou e eu nem havia percebido, não, sabe? Não tinha mesmo. Eu havia acabado de desapegar de um moleque que conheci por ai e não me dei conta que o Universo estava enviando outro.

    Depois de 3 meses, eu comecei a reparar mais. Eu fui ao encontro dele e parece que nesse dia deu um estalo aqui dentro. Ele foi fofo, beijou até minha mão.

    Era uma sensação boa, mas ainda assim eu não saberia definir que sensação era essa. Só sei te dizer que era boa.

    Me peguei olhando seu facebook, estudando-o. E ao mesmo tempo me peguei tentando ME moldar aos seus costumes. Não percebi o quão ruim isso era.

    Por um tempo fiquei receosa de postar alguma coisa. “Será que ele vai me achar idiota por esse post?” E simplesmente não postava.

    Ele massageava meu ego e eu gostava. Logo eu que detesto que me bajulem. Mas ele fazia de uma forma diferente, chegava a soar sincero (até hoje não sei se foi sincero).

    Me doei a essa sensação, mas nada aconteceu entre nós porque não foi recíproco.

    E hoje me pergunto se valeu a pena ouvir as músicas que ele gostava, assistir os vídeos que ele compartilhava, rir do que ele achava graça, se valeu a pena mesmo me moldar para parecer perfeita pra ele.

    Hoje botei os fones no ouvido depois de muito tempo e ouvi Fly Me To The Moon. Senti uma alegria por lembrar instantaneamente de todas as coisas que eu costumava gostar e nas causas que eu acredito.

    Eu, realmente, estava com saudades de quem eu era.


    “Eu errei por gostar um pouco demais. E amei. Se é que amei. Nem sei.
    Esqueci de cuidar um pouco de mim. E aí desapareci em ti.

    Dei um tempo ao tempo. Tempo demais. Tenho tempo demais, tempo demais.
    Pouco vale o tempo se não com você.

    Eu errei. Insisti em mudar o que via em ti. Até que me vi sem ti.

    Eu errei, me passei, tenho que me encontrar. Pouco vale o tempo se não com você.
    Eu errei, já nem sei foi querendo acertar. Pouco vale o tempo se não com você.”

    Eu errei – Tiago Iorc.

    pexelphoto

    De um lado a necessidade de ter um logotipo para usar em todas as redes sociais e poder deixar todas com a mesma carinha, e até mesmo para criar o cartão de visita e utilizar outros meios de divulgação. Do outro, a falta de capital pra investir nisso.

    Ter um logotipo é importante, demonstra seriedade, transmite a seus leitores o que você faz.

    O logotipo é a assinatura da sua empresa, ele é quem traduz visualmente a personalidade da sua marca e faz o seu público se identificar. Como sabemos, o mercado é bastante concorrido e um logo bem feito faz com que o negócio ou produto se destaque e transmita profissionalismo e credibilidade.

    Fonte: Design com Design.

    Então vim compartilhar algumas coisas básicas pra você que sabe da importância de ter um, mas que não tem dinheiro para investir nisso por agora.

    Continue lendo »

    _MG_0884
    14 de março de 2016     Fotografia, Pessoal

    Nesse Carnaval fiquei de recesso por uns dias e lá aproveitei para matar a saudade de tirar algumas fotos. Como o pôr do sol é um espetáculo quando assistido da praia, não perdi a oportunidade de documentar!

    Ultimas do Flickr - Vilatur, pôr do sol

    Ultimas do Flickr - Vilatur, pôr do sol

    Ultimas do Flickr - Vilatur, pôr do sol

    Ultimas do Flickr - Vilatur, pôr do sol

    Ultimas do Flickr - Vilatur, pôr do sol

    Ultimas do Flickr - Vilatur, pôr do sol Continue lendo »

    Cartão-de-visita
    13 de março de 2016     Meus Trabalhos, Pessoal

    Larissa também queria o Nicácio Template porque ela não estava gostando do layout simples que ela tinha. De acordo com ela, era tão simples que ela não sentia nem vontade de escrever mais no blog. Ela queria dar uma repaginada e além do blog com cara nova, ela queria um novo logotipo, mas com algumas exigências:
    Continue lendo »

    titulo

    Pra quem não sabe, eu trabalho criando layouts para blogs. Quando eu finalizo o projeto, eu envio para a cliente 4 dicas de pontos que eu considero importante na hora de criar um post.

    Ontem estava refletindo e decidi vir compartilhar com quem também nunca trabalhou comigo. Vai que ajuda alguém? 😀
    Continue lendo »

    montage5
    18 de dezembro de 2015     Ilustração, Meus Trabalhos

    Ana Furtado queria dar uma cara nova ao blog e queria muito que ele refletisse sobre os assuntos principais que ela aborda: maquiagem e beleza negra. Não queria nada muito monocromático, mas sim colorido e alegre.
    Continue lendo »

    _MG_9807
    16 de dezembro de 2015     Inspiracional

    Fui fazer um trabalho de fotografia para um primo que está abrindo um bar.
    Quando eu cheguei ao local ele estava conversando com um conhecido sobre algumas questões burocratísticas, então me pediu pra aguardar, pois já já iria me dizer o que eu iria fazer.

    Enquanto aguardava, comecei a preparar a câmera (coloquei a lente, ajustei ISO etc.). Nesse momento, um homem de camiseta roxa parou ao nosso lado e comentou sorrindo, com um cigarro entre os dedos ”Faz tempo que eu não via esse lugar aberto, até que enfim revitalizaram ele.”
    Eu sorri de volta e concordei com a cabeça. Quando dei por mim, ele já havia ido embora.

    Comecei a fotografar algumas coisas que meu primo havia pedido e, novamente, voltou o homem de camisa roxa. Percebi que ele estava ali porque seu rosto apareceu na mira da minha lente. Então o pedi ”Sorria”.
    Ele me respondeu: “Não posso sorrir”. Foi então que eu notei que ele não tinha todos os dentes da frente. Mas ainda assim, ele posou pra foto.
    Continue lendo »

    ViewImage
    30 de novembro de 2015     Séries

    Eu havia visto o trailer dessa série antes de começar e já tinha gostado. Só que eu sou péssima pra acompanhar séries por canal de TV. Eu prefiro baixar e assistir quando eu puder. E qual não foi minha surpresa ao descobrir que a GNT, canal que exibe a série, disponibilizaria todos os episódios no Net NOW?
    Ai fui assistir ao primeiro episódio e, gente!!!! Eu já tinha essa opinião antes, mas essa série reforçou o que penso: a produção cinematográfica brasileira não está perdida.
    Continue lendo »

    "Eu que já não quero mais ser um vencedor,
    levo a vida devagar pra não faltar amor."
    O Vencedor - Los Hermanos.